2 de nov de 2010

Isca Natural - Camarão



Se o lambari é uma isca universal na pesca de rios, o camarão é o "lambari" da pesca em águas salgadas.

Esta é uma isca que não costuma faltar nos apetrechos dos pescadores de água salgada, devido a sua grande eficácia alem da grande gama de peixes a qual é direcionada.

Na pesca de praia, são capturados pescada, betaras por exemplo, além da pesca dele atrás dos robalos, montagem com boia são bem utilizadas Brasil a fora.

Das iscas naturais de praia é uma das mais popular, porém a eficácia dos resultados depende também da qualidade do camarão, este deve ser de preferência fresco, camarões com conservantes químicos como o metabissulfito de sódio devem ser evitados.

Uma alternativa muito utilizada é o camarão desidratado em sal iscado em pedaços.

Dos mais usados temos o ferrinho, branco e o famoso Sete Barbas. Porém temos o período de defeso nesta época se encontra o camarão cinza.

Agora não podemos negar a eficácia do camarão na pesca de praia, mangues, costões e etc, porém o que muitos pescadores não sabem é que ele pode dar bons resultados na pesca de água doce.

Na água doce temos o famoso camarãozinho Pitú. Este por sua vez, pode ser usado na pesca de piaus e pacus como o caranguejo.

Até mesmo em PP, encontramos lugares nos quais existem boa aceitação dos peixes do lugar por estas iscas.

Uma coisa que devemos destacar é como conservar o camarão, existe formas simples de conserva los tudo vai depender se queremos estocar ou se vamos pescar com eles vivos.

Se vamos estocar,devemos ter alguns cuidados com os camarões:

Com o auxilio de uma tesoura cortamos a cabeça fora, se for possível é bom dar uma lavada em água do mar mesmo.

Feito isso podemos guardar em pequenas porções  em embalagens plásticas, alguns pescadores fazem compra de seladoras a vácuo, equipamento que permite embalar alimentos a vácuo.

Quando vamos transportar vivos, fazemos utilização do trans-iscas.

Estes são acessórios geralmente de plásticos munidos com oxigenadores a pilha, onde podemos manter por muito tempo vivo as iscas.

No caso do camarão é interessante colocar um pouco de areia para ficar no fundo para assim ajudar  eles ficarem no fundo, nadando menos e consequentemente sofrem menos stress


Para iscar, temos diversas técnicas, as quais depende dos peixes, situação de pesca enfim, podemos destacar algumas formas de iscar.

Uma das mais comum quando vamos iscar vivo é passar o anzol na cabeça dele, logo abaixo do "chifrinho", também podemos colocar o anzol na ultima seção do corpo dele perto ao rabo, para arremessar sem adição de peso.

Ele também pode ser cortado em filés/pedaços e ser iscado , e com a ajuda do elastricot, dar mais fixação a isca no anzol, evitando que venha a escapar no arremesso.

A forma como iscar dependerá da necessidade do pescador.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...