15 de fev de 2009

Algumas Concepções sobre as Iscas Artificiais



Existem algumas perguntas que sempre são feitas pelos pescadores.

Sendo assim esta matéria exemplifica algumas duvidas básicas que vem na cabeça de um pesador que esta começando nesta modalidade.

Começo de tudo

O Pescador iniciante nesta modalidade  se pergunta:

- Eu só pesco de molinete, isso me impede de usar iscas artificiais

Resposta -> NÃO,  com o material indicado pode-se pescar tanto com molinete ou carretilha.
Porem em algumas situações o molinete é favorecido, em outras é a carretilha, questão de gosto pessoal.
Para pesca UL por exemplo é normalmente utilizado só micro molinete.

Outro fato recorrente, que vem na cabeça dos iniciantes

Uma vez usei isca artificial e não peguei nada, elas realmente funcionam?

Resposta -> Temos que entender o seguinte. A isca artificial, foi criada com o intuito de se parecer com a isca natural, mas não é simplesmente só isso que atrai o peixe, a pesca com iscas artificiais esta ligado diretamente a uma dinâmica e uma arte.
O pescador nunca fica parado, ao contrario da pesca de espera, onde se aguarda o peixe achar a isca, é o pescador que vai atrás do peixe, e cada isca possui um tipo de trabalho, uma peculiaridade sobre a outra, entre outros aspectos.

Muitas vezes o pescador não pegou nada pelo simples fato de estar usando a isca errada e/ou uma técnica errada.

Eu quero pescar umas traíras não adianta eu pegar uma isca "matadeira" que todos aconselham, e eu arremessar no meio do lado, ou do rio que seja numa parte sem estruturas etc.
Traíras tem por natureza, ficar escondidas em estruturas, aguardando o momento certo para um bote, então dificilmente você conseguirá pegar uma no meio do lago, onde esta tudo limpo.

Outra questão comum é a duvida sobre qual isca usar.

Isso é algo interessante desta pescaria, geralmente pessoas que desconhecem o assunto dizem que é uma pesca difícil, ou normalmente falam que não pega nada é sem graça etc.

A realidade é bem diferente, assim como na pesca de espera, cada peixe tem uma isca
e para isso, tanto na de espera como na pesca de artificiais, deve-se entender um pouco sobre os hábitos do peixe para   ter em mente uma estratégia de pesca, e ter ideia dos tipos de isca a serem utilizadas, e sem duvida ter a devida humildade e/ou perder a vergonha e sempre trocar informações com outras pessoas, que também podem indicar iscas, técnicas etc

Lembre-se cada peixe tem um grupo de iscas que surtem mais efeitos, pois não adianta nada pegar um jumpjig de 250g e querer pescar piranhas.

Para sabermos qual isca usar, temos que ver o tamanho dos peixes na região, no local de pesca, alem de saber os hábitos dos peixes.

Estes conselhos são básicos para todos que pescam de artificiais e querem entrar nesta modalidade, devemos pensar nestes aspectos sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...